fbpx
Como estudar para o Enem 2020

Estude o que é cobrado e foque no que é mais cobrado

O primeiro passo a ser dado é verificar o que REALMENTE deve ser estudado para o ENEM 2020. Você não quer gastar seu tempo estudando o que não vai cair na prova, certo?

Para isso, analise muito bem o edital do ENEM para, primeiramente, separar todo o conteúdo cobrado pelas bancas.

Em seguida, você pode fazer uma pesquisa mais profunda em canais do Youtube, por exemplo, para saber quais são os temas fundamentais dentro de cada disciplina. Tendo conhecimento disso, dê mais foco para os assuntos mais cobrados.

Dessa forma você estudará os conteúdos mais importantes e terá maiores chances em adquirir ótimos resultados.

Priorize as disciplinas que você tem mais dificuldade

Todos nós temos certa dificuldade em pelo menos uma matéria. E, na maior parte dos casos, é essa bendita matéria que vai abaixar a sua média no vestibular do Enem 2020.

Não adianta cruzar os braços, você terá que superar essa disciplina. Como fazer isso? É simples: Utilize boa parte do seu tempo diário dando mais atenção a essa disciplina.

Sabe-se que é difícil, mas é um esforço necessário. Para se sair bem em um exame, é essencial que você tenha um bom nivelamento entre as disciplinas!

Para fazer isso, você terá que acrescentar mais horas de estudos nesta disciplina. Se a sua dificuldade é em matérias de exatas, por exemplo, é recomendado que você estude o dobro de tempo em relação às outras matérias.

Outra dica é procurar aprender sobre essas disciplina por outras fontes e profissionais. Uma explicação diferente do mesmo tópico pode te fazer compreender a matéria com mais facilidade.

Faça um cronograma de estudos para o Enem 2020

Uma característica muito comum entre os aprovados é a organização. Por meio dela você consegue saber onde está, economizar tempo e até reduzir a ansiedade.

E para organizar os seus estudos, é vital que você faça um cronograma de estudos! Você vai poder organizar o seu tempo de estudo e, consequentemente, fazer o tempo “render mais”.

Para isso, leia o nosso artigo: Cronograma de estudos. Lá você verá, com mais detalhes, como montar o seu cronograma passo a passo.

Escolha um bom material de estudos

Já que você está se preparando para estudar em casa, é de suma importância que você tenha um excelente material como fonte para os seus estudos.

Para isso, você terá com opções:

  • apostilas
  • livros de referência
  • cursos online

Cada um deles tem suas vantagens e desvantagens, isso depende de você. Se você é do tipo autodidata, apostilas e livros serão o necessário.

Se você está perdido ou quer mais praticidade, recomendamos que você procure um curso online. Lá você terá todo o conteúdo organizado, videoaulas, exercícios, etc.

O importante é que você tenha um bom material. Por isso pesquise bem na internet e evite gastar seu dinheiro à toa.

Técnicas de estudo e memorização para o Enem 2020

Neste passo, é necessário que você escolha uma técnica de estudo. A mais famosa é a que a maioria de nós usou durante nosso período escolar: o resumo.

Há também os famosos grifos de caneta marca-texto, onde o aluno grifa o que considera mais importante (muitos marcam quase o texto inteiro).

Essas técnicas são importantes para o momento de REVISÃO. A revisão é crucial para você relembrar aquilo que estudou há muito tempo e para que o conteúdo absorvido não caia no esquecimento. E revisão boa é revisão rápida! Se você quer mais detalhes de como escolher uma boa técnica de estudo e de revisão, confira esse artigo aqui do Gestor: Técnicas de memorização.

Vale ressaltar que nem todas as disciplinas vão exigir ou se adequar a determinada técnica. As matérias de exatas, por exemplo, exigem bastante prática da parte do estudante. Redação também é uma matéria que exige bastante treino.

Essas técnicas se encaixam bem naquilo que você tem que memorizar para sua prova.

Resolva questões de provas anteriores

Resolver questões é se testar. Resolva questões do Enem de anos anteriores.

Ao fazer isso, você estará treinando para o dia do exame e fazendo um diagnóstico dos seus pontos fortes e fracos. Onde você deve focar, quais assuntos merecem mais atenção, etc. Resolver questões é uma obrigação, caso você queira a aprovação.

Para fazer isso, você pode usar sites de questões e respondê-las separadamente por disciplina e assunto.

E, para ter a sensação real do dia do exame, você pode baixar provas dos anos anteriores ou simulados e respondê-los no tempo real de prova. Com isso você poderá mais uma vez analisar o seu desempenho e fazer as mudanças necessárias.

Conheça um excelente site de questões, clique aqui.

Treine a sua escrita

Tão importante quanto praticar exercícios é treinar a sua ESCRITA. Uma alta pontuação na redação do ENEM 2020 pode até definir se um candidato será classificado ou não no curso desejado.

Por isso é obrigatório que você dedique uma parte do seu tempo para treinar a sua escrita. Aqui vão alguns pontos que devem ser levados em conta para a sua preparação:

  • Acompanhar as notícias do Brasil e do mundo (TV, jornal e internet)
  • Verificar quais os critérios cobrados pela banca examinadora
  • Ler, ler e ler.
  • Escrever. Faça pelo menos uma redação a cada 15 dias

Estudar e tirar momentos para relaxar (5/x/7)

Estudar é importante, claro! Mas estudar de domingo a domingo trancafiado dentro do seu quarto é perigoso!

Relaxar no domingão, sair para dar uma volta com os amigos e praticar atividades físicas são práticas também obrigatórias para você.

São essas atividades que vão fazer o seu cérebro dar aquela “descansada” e isso ajudará na retenção do conteúdo. Ter uma boa noite de sono também é essencial!

Por isso, ao fazer o seu cronograma de estudos, não deixe de separar um tempo para essas atividades!

Use uma ferramenta para auxiliar nos estudos

Use uma ferramenta para te auxiliar na organização dos estudos. É essencial você ter métricas de cada disciplina estudada. O Gestor Concursos oferece um sistema fantástico para você ser aprovado no Enem. Cadastra-se agora!


Esse é o passo a passo de como estudar para o ENEM 2020 sozinho! É mais fácil do que você pensava, não é?

No começo, até você organizar tudo, pode dar um pouco de trabalho. Porém depois de pegar o ritmo, as coisas vão ficando mais simples, até o momento em que você entra no modo “piloto automático”.

Se você gostou deste artigo, deixe um comentário logo abaixo! Compartilhe conosco se você tem alguma dúvida, crítica ou sugestão!

No mais, bons estudos!

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *